Servindo a Palavra: Mt 19, 3-12

SEXTA-FEIRA, 14 DE AGOSTO

Mateus 19, 3-12:
“Não separe o homem o que Deus uniu”.

Jesus revela o plano original de Deus, que não se baseia num projeto de superioridade do homem sobre a mulher, mas constitui um sonho de unidade e de igualdade entre ambos.
O matrimónio é uma pequena comunidade de amor.
É uma escola de virtudes.
Um pequeno templo para os crentes cristãos.
O seu núcleo central é o amor.
Duas vidas que se doam, para gerar uma vida.
Dois corações que se fundem, para constituírem um só coração.
É este o magnífico projeto de Deus, que os homens da sociedade de hoje agridem, a seu bel-prazer.
“Não separe o homem o que Deus uniu”.
Recordamos e pedimos, hoje, por tantos casais, que sofrem a dor, a rutura e a separação…
Bons dias.

Antonio María Sanjuán Marín, cmf

0

Start typing and press Enter to search