Servindo a Palavra: Lc 1, 39-56

SÁBADO, 15 DE AGOSTO

Lucas 1, 39-56:
“Maria disse então: A minha alma glorifica o Senhor e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, porque pôs os olhos na humildade da sua serva. De hoje em diante, me chamarão bem-aventurada todas as gerações. O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas”.

Celebramos hoje a festa da Virgem Maria, na sua Assunção, em corpo e alma, ao Céu.
Aquilo que Maria já é, em plenitude, estamos nós chamados a ser.
Ele já vive a ressurreição e a vida plena com Deus, de que estamos todos nós à espera.
Maria reconhece que Deus operou maravilhas dentro de si.
Uma dessas maravilhas é o facto de a haver constituído nossa Mãe.
Recorre, então, à sua proteção e pede-lhe que te garanta a esperança dos filhos de Deus.
Que nos faça tomar consciência de que Deus inunda de amor cada ser humano.
Que nos ajude a sentir que todos cabemos no seu coração de Mãe.
Pede-lhe também que, como ela, sejas portador, ou portadora, de esperança e de felicidade.
Diz-lhe decididamente que, como ela, desejas empenhar-te na transformação do mundo, de acordo com o desígnio de Deus.
Bons dias.

Antonio María Sanjuán Marín, cmf

0

Start typing and press Enter to search