30 de Janeiro: Dia da Paz e da Não-Violência

No dia 30 de Janeiro comemoramos o Dia da Paz e da Não-Violência. A educação na e para a tolerância, solidariedade, harmonia, respeito pelos direitos humanos, não-violência e paz são razões a recordar neste dia.

O Papa Francisco, no 54º Dia Mundial da Paz, declarou que “praticar e educar para cuidar é a forma de erradicar a cultura da indiferença, do descarte e do confronto, que muitas vezes prevalece hoje em dia”. A cultura do cuidado como meio privilegiado para construir a paz é, portanto, “um compromisso comum, solidário e participativo para proteger e promover a dignidade e o bem de todos, bem como a vontade de cuidado, atenção, compaixão, reconciliação e cura, respeito mútuo e aceitação mútua”.

Para comemorar este dia, as escolas comprometem-se como defensores da paz e da compreensão entre pessoas de diferentes origens e modos de pensar. O objectivo é criar homens e mulheres que prefiram falar em vez de bater, reconciliar-se em vez de gritar e unir-se em vez de competir ferozmente uns contra os outros. Isto é o que é conhecido como uma cultura de paz.

Como exemplo, a partir do tema Práticas Comunicativas e Criativas na Escola Claret em Las Palmas, os alunos da 1ª ESO fizeram um mural sobre a boa notícia ‘Pela Paz’ que aconteceu em 2020 e até agora em 2021. O mural está na escola para que estudantes, professores e a equipa da escola possam ler esta notícia positiva para se lembrarem que, entre tantas más notícias que encontramos todos os dias, ainda podemos ver um raio de luz.

 

0

Start typing and press Enter to search