Servindo a Palavra: 3 de Novembro

TERÇA-FEIRA, 3 de NOVEMBRO

Lucas 14, 15-24:
“Vai depressa pelas praças e ruas da cidade, e traz para aqui os pobres, os aleijados, os cegos e os coxos… Vai pelos caminhos e azinhagas, e obriga toda a gente a entrar, para que a minha casa fique cheia”.

A Igreja “nasceu em saída”, diz-nos o Papa Francisco.
E continua o Papa: ‘Prefiro uma igreja ferida a uma Igreja doente’.
Não construímos Igreja, quando nos concentramos para fazer a mesma coisa e sempre os mesmos.
Porque a própria velhice nos torna doentes.
A Igreja é missionária, por natureza.
Hoje, como sempre, tem deenveredar pelas praças, pelas avenidas, pelos caminhos, pelos cruzamentos e azinhagas,e anunciar que o banquete do Reino de Deus já está preparado.
Busca as ‘periferias’, onde habitam os pobres, os aleijados, os cegos e os coxos.
Elas podem amedrontar-nos e ferir-nos, mas também nos curam de muitas enfermidades.
Pensa hoje numa dessas situações, onde podes entrar e atender os que andam necessitados de amor, de companhia e de comida…
A “periferia” do mundo dos jovens, dos idosos, da família…
Ousa aproximar-te dela e aí dá testemunho do Evangelho.
O banquete do Reino já está preparado.
Desfruta ao participar nele, e convida outros a fazer o mesmo.
Bons dias.

Antonio María Sanjuán Marín, cmf

0

Start typing and press Enter to search