Servindo a Palavra: 13 de Janeiro

QUINTA-FEIRA 13 DE JANEIRO DE 2022

Marcos 1,40-45:

“Naquele tempo, veio ter com Jesus um leproso. Prostrou-se de joelhos e suplicou-Lhe: «Se quiseres, podes curar-me». Jesus, compadecido, estendeu a mão, tocou-lhe e disse: «Quero: fica limpo». No mesmo instante o deixou a lepra e ele ficou limpo”.

 

No tempo de Jesus, o leproso não era apenas um enfermo. Era também um excluído. Um “SEM” sem

nenhum “COM”.

“Sem” direitos, “sem” família, “sem amigos”, “sem” relações sociais, inclusive “sem religião”.

E Jesus deixa-o aproximar-se e compadece-se dele. Ele restitui-lhe todos os “COM”; porque lhe devolve toda a sua dignidade de pessoa humana.

Hoje continuam a existir muitas pessoas “SEM” porque há muitos tipos de “lepras”: a solidão, a tristeza, a

exclusão, o abandono, a pobreza, a marginalização… Qualquer um de nós pode ser aquele leproso que

precisa da compaixão e do toque de Jesus.

Deixa-te tocar por Ele hoje.

E sê, também tu, a mão de Jesus que, tocando noutras “lepras”, restaura o consolo e a dignidade.

Bom dia.

Antonio Sanjuán Marín, cmf

 

0

Start typing and press Enter to search